Descarnar


Para Mônica Galvão

descarnar 
- des.car.nar - 
(des+carne+ar) Significados - deixar (os ossos) a descoberto (tirando a carne). - despegar ou separar da carne (os ossos). - deixar (o caroço) sem polpa. - separar do caroço (a polpa de um fruto) ou das fibras das folhas (o parênquima). - separar do tento o carnal. Significados (figurados) - escavar, pôr a descoberto (a raiz de um dente). - livrar(-se) de; afastar; desapegar [descarnou-o dos sofrimentos.]


A proposta é descobrir com esse verbo tanto a corporalidade como a poética, atreladas. O descarnar como o estudo da carne com a sua materialidade crua que se separa do osso, deixa-o a descoberto, livra-se - aos poucos, por pedaços, talvez de maneiras diversas (rasgando, descolando, atravessando) - de forma a buscar, na insistência desse esvaziamento, a essência, o desapego, o desapegar. E nessa metamorfose, feita em etapas, descobrir o que sobra e como sobra para continuar.

#2013, #descarnar, #janelaspoeticas, #salacrisantempo

1 visualização