tentando conexões com respostas

Deixar fluir do coração.

A um tempinho penso em querer trocar idéias sobre nossos processos. Idéias mais profundas talvez.. de dança... de questões, de dúvidas, de inseguranças. Idéias de dentro, de fora e de todos os lados. Achei muito legal saber ontem, que vamos ter esse espaço nos últimos encontros.. e poder trocar, ouvir... ser ouvida.

Assim, fiquei com vontade de compartilhar minha experiência na Casa da Purpurina. Senti lá, uma continuação desse vídeo esquisito que um dia distante, saiu.



Antes de ir pra purpurina, já tinha visto algumas fotos da casa no facebook. E por eu estar cultivando um momento muito sensível na minha vida.... me fez querer me proteger pra ir lá, dançar (que é algo muito delicado pra mim). Precisava me proteger das energias dali. Daquele lugar cheio de marcas e vidas passadas.... de sujeiras e demolições ainda mal demolidas.

Simbólico.

E eu estava preparada. E fui... feliz.

Dessa vez não pra fazer perguntas... até porque entre esse vídeo e agora, já tive algumas respostas... mas fui pra ser/estar... habitar minha proteção, minha troca com aquele lugar.

E ficou claro pra mim mesma meu não lugar naquele lugar!

Ao mesmo tempo, também sou aquele lugar.... e todas aquelas marcas..

Transcendi.

gratidão.


#casadapurpurina, #perguntas, #respostas

1 visualização